Compartilhe:

Padres e diáconos reunidos para a atualização teológico-pastoral do clero

Imagem: PASCOM/RP

Nos dias 8, 9 e 10 de maio, na Casa Dom Luis, em Brodowski, o arcebispo, os padres, diáconos e seminaristas do ano pastoral da Arquidiocese de Ribeirão Preto se reúnem para a Atualização Teológico Pastoral do Clero. A atualização atende a proposta da Formação Permanente do Clero e dará continuidade ao tema Família em sintonia com as Diretrizes da Ação Evangelizadora da Arquidiocese de Ribeirão Preto (2015-2019), no que tange a 5ª Urgência Pastoral.

A atualização começou na manhã de terça-feira, 8 e refletirá o tema: “A Igreja frente à atual crise antropológica: contribuições filosófico-teológicas na construção de uma antropologia integral”. Após a oração na capela, os padres e diáconos, foram acolhidos no Auditório pelo padre Ivonei Adriani Burtia, representante do presbíteros, que desejou a todos uma excelente formação. “Em nome da Pastoral Presbiteral eu acolho os padres e diáconos de nossa Arquidiocese para o nosso momento de atualização teológico-pastoral e também acolhendo toda a equipe que vai estar nos ajudando nesses dias, primeiramente de convivência entre nós, troca de experiência, partilhas e aprendizado. A formação permanente é constante em nossas vidas. Acabamos de retornar do 17º Encontro Nacional de Presbíteros, e lá se destacou muito que a formação começa no período do seminário e depois vai até o final de nossa vida. Sejam todos bem-vindos para esta nossa atualização”, disse padre Ivonei.   

Na sequência, o arcebispo dom Moacir Silva, saudou os padres, diáconos e assessores, e fez referência a importância da formação permanente.  “Sejam todos bem-vindos para este nosso encontro. Primeiramente rendemos graças a Deus Nosso Senhor que nos concede este tempo especial quando damos uma parada nas nossas atividades para nos debruçarmos sobre uma temática sumamente importante para nossa vida e missão pastoral. São tantas questões que estão aí voando na cabeça de muita gente e que nós temos a responsabilidade de ajudar na reflexão, mas para isso nós precisamos nos debruçar sobre esta temática tão importante. Então espero que cada um aproveite e colabore ao máximo aquilo que vai ser colocado neste dois dias de estudo”, frisou dom Moacir.

O coordenador de pastoral, padre Luís Gustavo Tenan Benzi, apresentou as orientações, motivações e propostas do tema da atualização do clero. “Diante de tantos questionamentos que nos assolam frente a questão da desconstrução da pessoa, da família, e de tantas outras questões que nós encontramos no nosso dia a dia, questões que até pouco tempo pensávamos estar longe de nós, mas que agora na prática pastoral começamos a perceber que chegam até nós, na catequese, na crisma, e sucessivamente. Por causa disso, e graças a formação do ‘Grupo Persona’ na Arquidiocese no final do ano passado, é que optamos por trabalhar estes temas e refletir sobre estas questões para que de fato possamos nos preparar e assim termos uma orientação mais consistente diante daquilo que precisamos responder e corresponder a partir das demandas que aparecem à nossa frente. Quem vai conduzir estes dois dias e meio de reflexões é o ‘Grupo Persona’ que conta com diversos profissionais: padres, diáconos, professores, psicólogos, doutores, advogados, várias áreas são contempladas e nos ajudarão nas reflexões”, explicou padre Gustavo.

Um dos integrantes do ‘Grupo Persona’ e assessor da atualização, padre Marcos Cândido, pároco da paróquia Cristo Operário, na Vila Abranches, em Ribeirão Preto, comentou a importância da escolha do tema para esta atualização. “A escolha do tema da antropologia para esta atualização do clero é de fundamental importância, sobretudo, porque dentro da nossa experiência cristã o problema do homem na sua relação com Deus é um problema decisivo, é o modo com o qual podemos também conhecer a nós mesmos e o mundo em que vivemos, e sobretudo hoje, nós somos desafiados por uma grave crise sobre a compreensão do homem, e penso que o retorno a filosofia e a teologia é a chave-resposta para a superação dessa crise que enfrentamos. Portanto, esta atualização é um motivo de muita alegria e esperança pois estamos caminhando na direção justa”, comentou padre Marcos.

Assessoria - A assessoria da atualização será coordenada pelo “Grupo de Estudos Persona”, criado em 2017 na Arquidiocese para estudos a respeito da constituição humana, e que colaborará com os seguintes assessores: Padre Dr. Marcos Candido, Dra. Marina Lemos Silveira Freitas, Dra. Marina Massimi, Dra. Flávia Silveira, Psicóloga Eliana Andrade e Prof. Dr. Joel Gracioso.

fonte: Arquidiocese de Ribeirão Preto